Software de RH: como escolher o ideal para sua empresa?

Entenda como um software de RH pode ajudar a sua empresa a gerenciar as atividades de gestão de pessoas. Saiba como escolher aqui!

  • 10 mins leitura
  • 22 março, 2024
  • 05 abril, 24
  • Por Julia Silva

Sabemos como a gestão de Recursos Humanos evoluiu para uma abordagem mais estratégica, principalmente focada no uso inteligente da tecnologia. Por isso, a escolha do software de RH mais adequado para sua empresa pode ser um diferencial para o setor.

E o número de opções disponíveis ficará cada vez maior. Estima-se que o mercado de tecnologia para RH no Brasil crescerá 107% em 2024. Além disso, até 2025, 54% das organizações consideram atualizar suas soluções tecnológicas de RH.

Com esse cenário, encontrar a melhor solução pode parecer desafiador. É por isso que este guia vai te ajudar a entender como escolher e quais os benefícios a sua empresa terá com o uso de softwares.

Vá direto ao ponto que mais te interessa:

Boa leitura!

O que é um software de RH?

Um software de Recursos Humanos (RH) é uma ferramenta tecnológica que digitaliza, automatiza e simplifica processos relacionados à gestão de pessoas dentro de uma empresa.

Para isso, cada software soluciona necessidades específicas do setor, que podem envolver questões como gestão de funcionários, recrutamento e seleção, avaliação de desempenho, treinamento, administração de benefícios, controle de frequência e folha de pagamento.

Quais são os softwares de RH?

Entre os 17 principais softwares de RH estão:

  1. eConsig
  2. SalaryFits
  3. ADP
  4. Workday
  5. Factorial
  6. Totvs
  7. Alterdata
  8. Gupy
  9. Kenoby
  10. VAGAS.com
  11. LinkedIn Talent Solutions
  12. STRATWs One
  13. Qulture.Rocks
  14. Trakstar
  15. Oracle HCM Cloud
  16. SAP SuccessFactors
  17. Gympass

Os principais softwares de RH disponíveis no mercado ajudam no gerenciamento de atividades clássicas do setor, como sistemas de folha de pagamento, recrutamento e seleção, gestão de desempenho, gerenciamento de benefícios, entre outros. 

Abaixo, separamos os mais conhecidos e utilizados por tema:

  1. Folha de pagamento: ADP, Workday, Factorial, Totvs, Alterdata, entre outros, oferecem soluções completas para gerenciar a folha, incluindo cálculos de salários, benefícios, impostos, e conformidade com as leis trabalhistas;
  2. Recrutamento e seleção: plataformas como Gupy, Kenoby, VAGAS.com e LinkedIn Talent Solutions contém recursos para atrair, avaliar e selecionar candidatos de forma otimizada, desde a divulgação das vagas até o onboarding de colaboradores;
  3. Gestão de desempenho: softwares como STRATWs One, Qulture.Rocks e Trakstar oferecem ferramentas para avaliação de desempenho, criação de metas, feedback e desenvolvimento de planos de carreira;
  4. Gestão de pessoas e talentos: plataformas como Oracle HCM Cloud, SAP SuccessFactors, Workday trazem soluções para gerenciar o ciclo de vida dos colaboradores, desde o recrutamento até a aposentadoria, incluindo gestão de talentos, treinamento e desenvolvimento, e análise de dados;
  5. Benefícios corporativos e bem-estar: os softwares como Gympass, eConsig e SalaryFits, podem auxiliar na gestão de multibenefícios, consignados, programas de qualidade de vida e saúde dos colaboradores.

Cada um deles oferece diferentes funcionalidades e possibilidades de integrações. Além disso, é importante considerar a escalabilidade, facilidade de uso, suporte ao cliente e custos ao selecionar um software de RH.

Quais as vantagens de usar um sistema de RH?

Ao adotar softwares que permitam a evolução do setor para um RH digital, a empresa terá benefícios como:

  • Automação de tarefas: ele reduz a carga de trabalho manual, automatizando processos repetitivos e permite direcionar a equipe de RH para outras tarefas;
  • Centralização de informações: um software consolida dados e informações relacionadas aos funcionários em um único sistema, facilitando o acesso e a análise para a tomada de decisões;
  • Aumento da produtividade: ele agiliza os processos de RH, reduzindo o tempo gasto em atividades corriqueiras, o que permite que os colaboradores se concentrem em outras iniciativas que agregam valor ao negócio;
  • Redução de custos: isso acontece porque há um ganho de produtividade, redução de desperdícios de tempo e esforços, bem como a diminuição de erros, que podem ser bastante custosos para as empresas;
  • Melhoria nas decisões importantes: como ele fornece informações baseadas em dados, conseguem capacitar os líderes no momento de decidir pontos importantes e estratégicos relacionados à gestão de pessoas e ao crescimento organizacional.

Quais sistemas o RH usa?

Entre os mais comuns, estão:

  • Sistemas de gestão de folha de pagamento;
  • Plataformas para recrutamento e seleção;
  • Sistemas de gestão de benefícios;
  • Softwares de gestão de desempenho;
  • Plataformas de treinamento e desenvolvimento.

A seguir, falaremos sobre cada um deles: 

  • Sistemas de gestão de folha de pagamento: responsáveis pelo processamento dos salários dos funcionários, incluindo cálculos de impostos, benefícios e deduções;
  • Plataformas para recrutamento e seleção: facilitam o gerenciamento de todo o ciclo de contratação, desde a divulgação de vagas até o processo de seleção e integração de novos colaboradores;
  • Sistemas de gestão de benefícios: auxiliam na administração e no gerenciamento dos benefícios corporativos oferecidos aos funcionários, como plano de saúde, crédito consignado, vale-refeição e programas de bem-estar;
  • Softwares de gestão de desempenho: permitem avaliar como está o desenvolvimento profissional dos colaboradores, estabelecer metas e objetivos, e fornecer retorno para um aprendizado contínuo;
  • Plataformas de treinamento e desenvolvimento: facilitam a criação, o gerenciamento e o acompanhamento de programas de capacitação e desenvolvimento para os funcionários.

7 passos para escolher o software de RH ideal para sua empresa

Para escolher o software de RH mais adequado às necessidades e características da sua empresa, é importante seguir um processo estruturado. Veja como nesses sete passos práticos:

  1. Avalie as necessidades da empresa

    Antes de começar a procurar um software, analise quais são as reais necessidades e desafios que sua empresa enfrenta em relação à gestão de pessoas e processos de RH.

    Leve seu RH a outro nível -  Conheça o eConsig
  2. Defina os objetivos e prioridades

    Estabeleça os objetivos que você deseja alcançar com a implementação do novo software. Isso irá orientar sua busca e ajudará a avaliar as opções disponíveis.

  3. Pesquise e compare diferentes soluções

    Conheça as alternativas do mercado, analise as funcionalidades, custos, facilidade de uso, reputação do fornecedor e adequação às suas necessidades;

  4. Considere critérios de escalabilidade

    Escolha um software que seja capaz de crescer com sua empresa, além de flexível o suficiente para se adequar às mudanças nas operações e ao longo do caminho do negócio.

  5. Verifique as integrações e compatibilidade

    Avalie a capacidade do software de RH de se integrar com as outras ferramentas já usadas na empresa para facilitar a migração.

  6. Obtenha feedback e referências

    Procure por avaliações de outros usuários para ter referências do fornecedor e entre em contato com empresas que já utilizam a solução para obter retorno sobre sua experiência.

  7. Faça um teste piloto e avalie a experiência do usuário

    Antes de tomar uma decisão final, faça um teste piloto do software em um ambiente real de trabalho. Avalie a experiência do usuário, a facilidade de navegação e o quanto ele atende às suas necessidades.

Bônus: como integrar um software de RH com outros sistemas da empresa?

Pode parecer desafiador integrar um software de RH com outros sistemas já utilizados pela empresa, mas a sincronização de dados pode ser facilitada com algumas dicas simples, veja como:

  • Identifique os sistemas a serem integrados, como sistemas de contabilidade, de gestão de projetos, de comunicação interna, entre outros.
  • Descubra quais são os dados essenciais para serem compartilhados entre os sistemas, como informações de funcionários, dados de folha de pagamento, registros de benefícios, históricos de desempenho, entre outros;
  • Escolha o método adequado com base na complexidade dos sistemas e na capacidade da equipe, como APIs (Application Programming Interfaces), integração de banco de dados e uso de middleware. Existem aplicativos, como o Zapier, que facilitam a conexão entre ferramentas que não têm integração nativa;
  • Garanta a consistência e atualização das informações compartilhadas entre os sistemas por meio de processos para evitar erros de sincronização e garantir a segurança da informação. Para isso, faça auditorias regulares;
  • Teste e valide a integração, para garantir que os dados estejam transferidos corretamente e que os sistemas estejam em pleno funcionamento. Tenha uma rotina de validação recorrente;
  • Ofereça treinamento para os usuários finais sobre como usar os sistemas integrados, além de como acionar o suporte técnico para resolver problemas ou dúvidas que possam surgir;
  • Monitore o desempenho e busque oportunidades de otimização conforme necessário.

Conclusão

Definitivamente, a escolha do melhor software de RH é um passo importante para a jornada de transformação digital da empresa. 

A utilização desses sistemas e ferramentas permite que o setor gerencie todas as questões relacionadas aos funcionários, desde a administração de salários e benefícios até o desenvolvimento da força de trabalho.

Considerando todos os requisitos apresentados e seguindo um processo estruturado de seleção, sua empresa conseguirá extrair os benefícios dessa tecnologia de uma forma completa. 

Lembre-se, a Zetra está aqui para ajudá-lo a navegar pelas complexidades do RH moderno e alcançar todo o potencial do seu capital humano. Para saber mais sobre as tendências futuras, confira nosso e-book com todas as recomendações para se adaptar ao Futuro do Trabalho!

Perguntas frequentes

Veja as respostas para as dúvidas mais comuns sobre os softwares de RH:

Quais os softwares mais usados no RH?

17 principais softwares de RH são: eConsig, SalaryFits, ADP, Workday, Factorial, Totvs, Alterdata, Gupy, Kenoby, VAGAS.com, LinkedIn Talent Solutions, STRATWs One, Qulture.Rocks, Trakstar, Oracle HCM Cloud, SAP SuccessFactors e Gympass.

O que é um software de RH?

Um software de Recursos Humanos (RH) é uma ferramenta tecnológica que digitaliza, automatiza e simplifica processos relacionados à gestão de pessoas dentro de uma empresa.

Quais sistemas O RH usa?

Sistemas de gestão de folha de pagamento, plataformas para recrutamento e seleção, sistemas de gestão de benefícios, softwares de gestão de desempenho e plataformas de treinamento e desenvolvimento.

Navegue por outros conteúdos relacionados: